Portal atualizado em: 2 de dezembro de 2022 às 12:34h

Cuidados ao adquirir brinquedos, segundo orientação do Procon-SR

Início Cuidados ao adquirir brinquedos, segundo orientação do Procon-SR

Cuidados ao adquirir brinquedos, segundo orientação do Procon-SR

Ação e TrabalhoCoronavírusSecretaria de Agricultura e AbastecimentoSecretaria de Assistência SocialSecretaria de Comunicação InstitucionalSecretaria de Cultura, Desporto, Turismo e LazerSecretaria de EducaçãoSecretaria de FinançasSecretaria de Infraestrutura, Obras e Serviços PúblicosSecretaria de Meio AmbienteCODEMADocumentos - CODEMAReuniões - CODEMALicenciamento AmbientalLicenciamentos SolicitadosSecretaria de Planejamento, Orçamento e Tecnologia da InformaçãoSecretaria de Políticas Públicas Para as MulheresSecretaria de SaúdeSuperintendência de Mobilidade Urbana

Autor: Assessoria

Cuidados ao adquirir brinquedos, segundo orientação do Procon-SR

O PROCON de Santa Rita, em razão do Dia das Crianças, orienta os consumidores adquiram brinquedos com o selo do Inmetro. Os técnicos do órgão orientam ainda alguns cuidados: – Montar e desmontar brinquedos é tarefa para adultos. Em qualquer idade, supervisão é fundamental. – Para as crianças de 0 a 3 anos, os principais […]

11/10/2019 13h36 Atualizado há 3 anos atrás

O PROCON de Santa Rita, em razão do Dia das Crianças, orienta os consumidores adquiram brinquedos com o selo do Inmetro. Os técnicos do órgão orientam ainda alguns cuidados:

– Montar e desmontar brinquedos é tarefa para adultos. Em qualquer idade, supervisão é fundamental.
– Para as crianças de 0 a 3 anos, os principais cuidados são com aspiração e sufocamento. Isso demanda atenção desde o móbile do berço, portanto, qualquer peça com diâmetro inferior a 1,5 cm representa risco.
– Desde pequena, acostume a criança a usar equipamento de segurança.
– Verifique se o capacete é certificado, adequado à idade, e mantenha-o bem preso para que, de fato, proteja a cabeça em caso de queda. A orientação leva em conta o desenvolvimento da criança e a segurança para aquela faixa etária.
– Se há crianças de idades diferentes em casa, redobre o cuidado e a vigilância, e procure guardar os itens separadamente.
– Até 2 anos, a criança não deve ser exposta a qualquer tipo de tela. Além de causar danos à visão e do risco de acidentes, o uso de celulares e tablets provoca isolamento social e atraso no desenvolvimento motor.
– Caso ocorra um acidente ou se constate risco em algum brinquedo, comunique ao médico, ao fabricante e não deixe de relatar no Sistema Inmetro de Monitoramento de Acidentes de Consumo (www.inmetro.gov.br/sinmac).